Res#3 – Tema 2 /aula 1 (componentes: resistores)

Os resistores são a alma da eletrônica. Com eles controlamos a maioria das funções em um circuito eletrônico.

RESISTORES FIXOS

-Resistores fixos. São resistores cujo valor é fixo. Não variam. A únidade da resistênica é ”Ω”, ou Ohms, também chamado de “R”. Respeitando as proporções 1000Ω = 1kΩ, 1000kΩ = 1MΩ. Comercialmente podemos achá-los com essas denominações: 1000R = 1k, 1000k = 1M.

-Nos esquemáticos, podemos também encontrá-los assim desenhados.

Para saber o valor de um resistor basta seguir a tabela. Cada cor em cada casa corresponde a um número. A primeira casa é a dezena, a segunda a unidade e a terceira um fator multiplicador.

-Tabela de cores resistores: Uma tabela coloridinha para facilitar a vida.

-Tabelas em cores… Fácil de xerocar. Tem o número de zeros ao invés do fator multiplicador, facilita para quem não tem costume de pensar em potências de dez.

RESISTORES VARIÁVEIS:

 

-LDR – vale falar do LDR em destaque, pois ele foi o primeiro componente eletrônico inventado. Com ele a teoria do efeito fotoelétrico foi comprovada. São resistências que variam de acordo com a incidência de luz. São usadas por exemplo para desligar postes de luz na rua. Cada poste possui uma dessa sobre que fazdes ligar a  luz com a presença do sol.

-Potenciômetros: São resistores que variam de acordo o giro de um botão. Possuem 3 terminais. A resistência entre as extremidades é fixa, mas o cursor do meio varia a distância entre um extremo e outro.

-Utilizando-se só 2 desses terminais [o central e mais um] teremos simplesmente uma resistência variável, ou reostato, que varia entre uma corrente máxima [curto-circuito] e mínima [resistência máxima]. Mas ao conectar uma diferença de tensão entre as extremidades,  o ponteiro central determinará uma relação de distâncias entre a tensão máxima e a mínima. Sendo possível controlar um sinal por cortes de percentual de um total. Garantindo sempre a variação absoluta entre o sinal máximo, sem corte e o silêncio absoluto, corte total.

-No reostato uma das pernas laterais é encurtada com o cursor do potenciômetro. O que determina que a tensão será sempre a mesma, ainda que a corrente varie. Já no potenciômetro uma diferença de tensão é colocada entre os extremos do potenciômetro, com que a tensão varie.  Determinando uma relação de distância entre um máximo e um mínimo. Note como são representados em esquemáticos, como um resistor comum com uma seta indicando o cursor.

-existem diversos outros tipos de materiais resistores variáveis, como água, grafite, o nosso corpo entre outros. Mas nos ateremos agora aos que podemos encontrar nas lojas de eletrônica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>